11 de jun de 2011

Fernandinho: O Anjo de Vidro.

‘’Osteogênese imperfeita é o nome que se da a uma doença hereditária que é chamada de ossos de vidro". Osso de vidro é a falta de colágeno nos ossos, fazendo com que eles fiquem bem frágeis, como o nome já diz de vidro. Em muitos casos, muitos pais custam, a saber, o que o filho tem, pensam que seus ossos são quebrados somente por travessuras deles próprios, mas não o sabem que é uma doença bem, grave.

A razão na qual acontece esse tipo de doença em uma criança, é pela falta de colágeno que há nos ossos fazendo com que eles tenham muitas fraturas. E faz com que as crianças nasçam com fraturas no corpo e também sejam muito pequenas, mas mesmo com essa doença a criança pode interagir com outras normalmente sem que sua inteligência e movimentos sejam alterados.’’




Esse é Fernandinho, símbolo da AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente), um ser iluminado, que sorri, canta, ama e é muito amado. Das vezes em que pudemos acompanhar sua trajetória de vida, uma vida vitoriosa todos os dias, não há como não nos emocionarmos, muito mais quando lembramos pelo pouco que muitas vezes reclamamos.                
Quando vejo esse sorriso penso que já passou da hora do homem parar de reclamar, parar de ser mesquinho, parar de mal dizer seu semelhante, parar de ser hipócrita, e começar a ver a vida com os olhos de Deus, onde tudo é lindo, mesmo as coisas mais simples como um raio de sol iluminando a gota de orvalho na pétala da flor em nosso jardim.                                        
Fernandinho tem todas as razões do mundo para ser uma criança crítica e rancorosa, ele é portador da doença conhecida popularmente como Ossos de vidro e uma maior ainda para não ser: o amor.                                                  
O amor que esse menino tem pela vida e por seus pais.                              


Deixemos um pouco de sermos tão desumanos, tão desacreditados, tão mal agradecidos, tão distantes do nosso Pai, vamos sorrir mais, amar mais, abraçar mais, agradecer mais, viver mais.

Vamos ser mais FERNANDINHO.

16 comentários:

  1. Já li sobre esse mal porque alguém me havia feito referência a ele. Fiquei impressionada, porque as crianças jamais vão poder fazer as brincadeiras mais ousadas.
    Reclamamos, muitas vezes, de um resfriado, de uma dor... e essas crianças que não têm perspectivas brindam a vida.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. oi Marli,

    que linda história de amor,
    me fez repensar em muitas coisas,
    impressionante,
    lutar pela vida com tanto amor,
    isso é o maior ensinamento,
    o exemplo de Fernandinho...
    quero cada dia mais
    ser e aprender a ser Fernando...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Muito boa essa postagem, muito esclarecedora e emocionante.Parabéns pela postagem.Beijos

    ResponderExcluir
  4. MARILENE,é sempre uma alegria receber você aqui,pois você é uma pessoa muito crítica o que é bom para todos que visitam este espaço.Obrigada! um grande abraço!

    ResponderExcluir
  5. Rô,obrigada pela sua amável e rica presença.Eu também quero ser sempre um pouco mais do Fernadinho,pois só vemos coisas ruins,portanto há fatos que nos fazem perceber o quanto precisamos melhorar em nossos corações.Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  6. Arnoldo,obrigada pela visita e comentário.Sua presença é um grande presente a este espaço que é seu também.Volte sempre! Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  7. Marli....
    Hoje vc me emocionou e lembrei da Heloisa, uma "bonequinha de vidro " q conheci....ela frequentava as festinhas dos meus filhos. Nunca mais esqueci a vitalidade de seus olhos e o sorriso cativante.
    Obrigada Amiga.
    As vezes a gente reclama por nada....né??

    Saudades de vc.

    Beijao.

    ResponderExcluir
  8. Gasparzinho12/6/11 18:32

    Marli, já vi esse lindo menino algumas vezes no programa AACD promovido pelo SBT. Ele é encantador, uma esperança para as pessoas que reclamam por tantas futilidades. Ótimo Post, vale muito a pena ter uma página só para esse anjinho.
    Lindo!

    ResponderExcluir
  9. Marli, só vendo esta criança ou tantas outras pessoas que têm alguma doença e ao mesmo tempo mostram no rosto alegria e muita vontade de viver, é que olhamos para algumas coisas e ficamos com vergonha. Mas estas pessoas, com deficiência, é que nos ensinam muito. Nos passam o que a vida tem de belo e como devemos descartar certas futilidades a que estamos acostumados. Aprendo muito com estas pessoas corajosas e desprovidas de vaidade. Penso que elas conseguem ver a vida como ela é, realmente. Bela, uma dádiva.

    Parabéns pela postagem.
    Meu carinho pra você, amiga.
    Tais Luso

    ResponderExcluir
  10. Minha amiga, que criatura iluminada,mesmo!
    São os Fernandinhos da VIDA que não nos deixam perder a ESPERANÇA de um UNIVERSO maior e melhor.
    Abraços, sempre

    ResponderExcluir
  11. Marli querida, quanto tempo,ainda bem que conseguiu entrar lá no CASA, senti sua falta.Amiga meu enteado é deficiente fisico,sei bem o que significa esse post acima...ele perdeu a perna direita aos 9 aninhos,hj homem feito, um belo jornalista, e muito admirado pela alegria que transmite a todos! Bj amiga e que sua semana seja iluminada!
    Valeria

    ResponderExcluir
  12. Marli

    Ganhei um selinho e indiquei você para recebê-lo. Aquelas regrinhas de sempre (rss).
    O que vale, realmente, é a lembrança.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  13. eu amei fernandinho desde que o vi na televisão ,ele é uma benção de deus muito lindo vi o esforço de seus pais para acompanha-lo na escola ,tenho uma filha cadeirante e ela estuda na escola que trabalho.

    ResponderExcluir
  14. Anônimo,todos temos nossas limitações,porém quando temos ao nosso lado alguém que nos ama tudo se torna menor.Obrigada pela visita e volte sempre.Um abraço!

    ResponderExcluir
  15. karlla Navyss28/10/11 00:42

    AMOOO esse meniino vou até postar uma foto dele no meu face!

    anjoo fernandinhoo

    ResponderExcluir
  16. Olá pessoal me chamo Filipe, tenho 21 anos, sou do interior do Rio de Janeiro, tenho um sonho e pretendo realiza-lo.
    Esse sonho é conhecer essa Criança adoravel chamado Fernandinho, caso Alguem tenha algum contato da Familia e puder me passar, vou deixar meu e-mail para contato: filiperodrigueso@ig.com.br pretendo ajuda-ló no que for possivel!!

    ResponderExcluir

O outro lado da cegueira

Um dos trechos mais comentados e que mais aprofundam o leitor dos personagens é quando Saramago escreve:  “O medo cega (…) são palavras c...