22 de ago de 2015

A desinformante


O que pode acontecer quando o que falamos não é entendido como deveria ser ? Há inúmeros prejuízos que ocorrem quando a comunicação é falha. Lembrei de um fato extremamente interessante, que aconteceu na época da grande enchente de 83, em nossas cidades. Meu tio, trabalhava como gerente em uma firma local, o rio transbordou, e a água cobriu as ruas, deixando todos sem ter como ir ou voltar, por elas. Então, ele e alguns funcionários que moravam em outras áreas,usavam o meio de transporte que lhes era oferecido, uma draga de puxar areia, e assim atravessavam o rio Iguaçu.

Certa manhã, ele ligou para minha casa ( morávamos ao lado ) e pediu para que a moça que trabalhava em minha casa, desse um recado à minha tia ( esposa dele ).

Ela deu o seguinte recado:

- Dona Iraci, seu marido ligou avisando que quebrou a perna.

Foi um reboliço total, meu pai tentou entrar em contato com meu tio, e com os demais funcionários, ligou para o escritório da firma, para o dono ( amigo dele ), mas não conseguiu obter resposta. A preocupação aumentava, pois meu tio já não era um garotinho e, ficar sem atendimento só poderia causar maiores problemas.

E, assim foi passando o dia, sem informação. O hospital mais próximo da firma também estava sem acesso, devido as águas. Meu pai e tios foram ao outro hospital para ver se havia alguma notícia do tio, com a perna quebrada.

Tornou-se um caos, pois estava anoitecendo, águas escuras, casas alagadas, gente sem teto e meu tio sem dar notícias. E, justamente nesta noite, todos iriam ficar na firma, pois era perigoso voltar com o rio enchendo e, sem saber onde estava o leito do rio. Como estaria meu tio ? Quanta dor, sem ter o que fazer e sem poder voltar para casa. Eu já disse aqui, que acredito em milagres e, à noitinha, conseguiram voltar para casa. Vimos meu tio estacionar o caminhão da firma, ficamos sem saber o que dizer, apenas corremos para saber como ele estava. Meu pai, foi o primeiro:

- Como você está ? E a sua perna quebrada ?

- Perna quebrada ?! Não quebrei nada.

 Aí, a história foi desvendada. Ele disse que havia quebrado a garrafa térmica e, como só voltaria na noite  seguinte, avisou para que minha tia providenciasse outra.

A ligação estava péssima, e aí a confusão de: - Eu quebrei a térmica, para eu quebrei a perna.

William James já dizia:

“ Não existe mentira pior que uma verdade mal-interpretada pelos que a ouvem.”


10 de ago de 2015

Quando o espetáculo finda...

E a luz apagou.
A passos lentos, dirigiu-se ao camarim.
Margaridas brancas em um pequeno vaso, faziam-lhe companhia.
Sentou-se em frente ao espelho.
Abriu a pequena gaveta.
Em meio a maquiagens e ilusão, pegou um pequeno pedaço de pano.
Aos poucos, a maquiagem foi dando lugar às rugas e marcas do tempo.
Olhou para o relógio, faltavam dez minutos para daqui a pouco.
Depois daquela noite, nunca mais.
De repente, ao se dar conta, percebeu seus olhos marejados
Mas, dessa vez, não pela alergia que a maquiagem causava
Apenas porque o tempo passou
Apenas porque o mundo se tornara mais frio
E as crianças de hoje, já não queriam mais aplaudi-lo no picadeiro
Já não o consideravam mais.
Mas seus olhos brilharam ainda que mais uma vez, ainda que pela última vez
Ao perceber, atrás da coluna de concreto
Um pequenino, com uma bola de plástico vermelha no nariz,

Reverenciando o público imaginário.  

8 de ago de 2015

Pelo Dia dos Pais

Desejo a todos os pais,  um feliz Dia dos Pais!
Não tenho mais o meu,  mas seus ensinamentos, a lembrança do seu abraço, do seu beijo estalado na bochecha e suas frases em ucraniano me acompanham e são fortes aqui dentro.
E acho que é isso, que vale a pena a vida de alguém, as coisas boas que a pessoa deixa em nós.
Meu querido pai, mais um dia se vai e não posso ouvir suas histórias ou ter a sua presença no almoço e nas tardes de outono.
Quero que saiba, através desse humilde espaço, que a saudade ainda perdura, e continuará porque não tem como não sentirmos saudades, não sentirmos falta do que nos fez bem, e do amor que trouxe para a nossa vida.
Obrigada por tudo!
E que hoje, seja um dia feliz para todos nós, mesmo para os que não têm mais seus pais presentes, como eu, porque a felicidade deve existir pelo simples fato de que eu tive um dos melhores pais do mundo, que fez de mim a mulher de fibra, guerreira, honesta e trabalhadora que sou.
Só tenho a agradecer pelo tempo que passamos juntos, pelas experiências que o senhor me trouxe, pelas  histórias que o senhor atravessava a madrugada me contando.
Obrigada, pelas noites de risadas, pela mesa sempre farta, pela proteção constante, pelo seu amor incondicional e por ser, simplesmente, o meu pai.

Hilário Andrucho

A robotização da massa

Vejo pessoas  robotizadas  pelas ruas, cabeças baixas, dedos deslizando sobre pequenas telas pretas. Ando pelas calçadas com as mãos nos ...